Bebidas

Como é feita a erva mate do seu chimarrão, mate ou tereré?

Como é feita a erva mate do seu chimarrão, mate ou tereré?

Com o nome científico de Ilex paraguariensis, a tão conhecida erva mate pertence à família das aquifoliáceas, que se origina nas regiões subtropicais da América do Sul.  

Muito famosa por originar o chimarrão ou o tereré, a erva mate é parte do dia a dia de muitas famílias e amigos nos estados do Paraná, Santa Catarina e principalmente no Rio Grande do Sul, mas já atinge consumidores em todo o país. A cultura das “rodas de chimarrão” é fortemente impregnada e é passada de geração em geração, para que nunca se perca o costume de tomar um chimarrão e colocar as conversas em dia! 

A árvore da erva mate pode atingir até 12 metros de altura, apresenta folhas ovais e frutos pequenos, como representada na imagem abaixo:  

Fruto da árvore de Erva Mate

Frutos da árvore de Erva Mate 

A reprodução e disseminação da planta, acontece por meio dos pássaros da região, que depois de ingerirem o pequeno fruto, defecam sua semente originando assim novas árvores. Também é possível obter mudas novas a partir dos brotos das arvore já crescidas.  

Tipos de erva mate e produção 

Existem várias composições e tipos de ervas no mercado atual, mas nesse texto iremos falar sobre dois tipos específicos, que a Cooperativa de Produtores de Mate de Campo Alegre (Tupan) produz: A Erva Mate Verde Nativa e a Erva Mate Descansada.  

A diferença entre esses dois tipos de ervas está no processo de beneficiamento do produto. O beneficiamento da www.ervatupan.com.br  segue o seguinte fluxo: os agricultores retiram os galhos das árvores e os transportam até uma esteira para onde os galhos recebem um breve descanso e são levados até um forno aquecido com lenha, para que se possa realizar a secagem dos galhos. Após realizada a secagem, os galhos seguem para uma outra máquina, onde são triturados e começam a ganhar a forma da erva mate que tradicionalmente conhecemos (é nesse momento que ocorre o diferencial entre os dois tipos de ervas).  

Esteira onde os galhos da Erva Mate ficam após serem retirados

Galhos recém retirados em repouso na esteira 

Enquanto a Erva Verde Nativa segue para ao próximas etapas do processo, a Erva Descansada, como o nome sugere, recebe um descanso de aproximadamente 6 meses. Uma curiosidade desse processo é que a erva precisa permanecer no escuro para que ela se mantenha uma cor mais amarelada, caso tenha luminosidade, a erva ficará acinzentada, o que não é bom para a qualidade do produto 

E só depois disso ela segue para uma separação dos tipos de moagem (moagem grossa, moagem fina, entre outras).  Esse tempo de descanso da erva faz total diferença no final da produção. Enquanto a Erva Verde Nativa tem um gosto mais suave e coloração vibrante, a Erva Descansada conta com um gosto mais amargo e uma coloração um pouco mais escura e amarelada. 

Por fim, as ervas são empacotadas, etiquetadas e transportadas até supermercados e outros pontos de venda. 

Funcionários da Cooperativa embalando pacotes da Erva Mate

Funcionários da Cooperativa embalando pacotes da Erva Mate

Agora que já falamos sobre o que é a Erva Mate e sabemos um pouco de como ela é produzida, iremos abordar um tema super interessante sobre essa bebida. Os seus benefícios. 

Benefícios da Erva Mate  

O chimarrão (feito com erva mate moída e água morna) quando tomado regularmente, pode trazer uma séria de benefícios. Pois a bebida além de conter um baixo teor calórico, aproximadamente 30 calorias a cada 100 gramas de erva, também é um potente diurético natural, que ajuda na eliminação do sódio no corpo, no funcionamento dos rins, e no processo de reabsorção de água e sais minerais. 

Em pesquisa constatou-se também que a Erva Mate contém vitaminas A, B1, B2, B6 e C, além de pequenas taxas de cálcio, ferro e magnésio. O que é essencial para manter seu corpo na ativa hahaha! A Erva aumenta a aptidão física e mental, aumenta a imunidade (essencial nos tempos atuais) e reduz o apetite. 

Mas cuidado, a Erva Mate consumida em excesso pode te tornar um(a) gauchesco(a) de verdade tchê! Consulte seu médico e leia a bula! 

 

Aviso antes de tomar seu chimarrão ou tererê: 

No meio dessa pandemia a regra é clara, ADOTE uma cuia, NÃO COMPARTILHE! 

 

Para conhecer um pouquinho dos nossos produtos, e aumentar a qualidade de vida, acesse: raeasy.com

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − um =