Alimentação

Saúde Mental e Alimentação

Desenho de pessoa pensando nos alimentos

         Do Estômago Para a Cabeça e Vice-Versa

Olhando para o título desse post você deve estar se perguntado: mas o que uma coisa tem a ver com a outra? E eu respondo: corpo e mente são INSEPARÁVEIS! O que acontece em um afeta diretamente o outro. Por isso trataremos desse assunto hoje, a relação existente entre alimentação saudável (ou não saudável) e a saúde mental.  

          Para entender como acontece essa ponte, vamos lembrar um pouco da parte biológica desse processo e posteriormente a parte subjetiva. No primeiro post aqui do blog (https://raeasy.com/qual-o-proposito-da-alimentacao-para-voce/) relacionamos como os alimentos são combustíveis para o funcionamento do nosso corpo e como é importante termos consciência da qualidade do que ingerimos. Pois bem, nosso cérebro faz parte desse mecanismo (muito inteligente) e também precisa de matéria-prima para manter a casa em ordem. 

          Colocando aqui de uma forma BEM simples, todos os processos que ocorrem no nosso organismo (movimentos, digestão, cicatrização, defesa, sensações, necessidades – fome, sede, frio, calor, etc) são regidos pelo cérebro. Ele é o responsável por captar e processar, através de sinapses, os sinais que nosso corpo transmite dizendo o que precisa. E o que faz tudo isso acontecer? Os nutrientes que ingerimos na alimentação. Eles são os alicerces de toda essa construção. 

          Muitos estudos confirmam a relação existente entre uma dieta saudável e a prevenção das doenças, sejam elas a nível físico ou mental – nos posts anteriores falamos um pouco sobre alimentação e estados emocionais. Uma alimentação adequada em quantidade e qualidade dos alimentos fornece ao nosso cérebro nutrientes essenciais para seu funcionamento e do organismo de forma geral, tais como: minerais, vitaminas, aminoácidos e ácidos graxos essenciais. Deficiências nesses nutrientes podem ser a causa de doenças cardiovasculares, digestivas e endócrinas, ou podem colaborar para outros quadros patológicos, como ansiedade e depressão.  

          De fato, ninguém fica alegre quando está doente. A doença do corpo interfere nos estados emocionais e humor e as doenças da mente interferem no funcionando do corpo, geralmente causando desequilíbrio. Claro, os quadros patológicos podem ter várias origens – ambiental, genética, fisiológica – e a deficiência de nutrientes essenciais pode ser apenas UMA dessas causas ou um agravante. Da mesma forma que a nutrição correta pode ser a prevenção e o auxílio na melhora. Você consegue fazer esse link entre corpo e mente, imaginando todo esse processo? Consegue perceber a importância do que você coloca no seu prato e como a saúde mental está estritamente ligada à saúde como um todo? 

Pessoa pensando

Alimentação e Saúde Mental

          Além dessa parte biológica, é interessante pensarmos na questão da alimentação como autocuidado para promoção da saúde mental. Cuidar de si é muito mais amplo do que fazer máscara facial e olhar para os dois lados ao atravessar a rua… Ter o hábito de consumir alimentos saudáveis, de forma consciente e agradável, promove uma sensação de carinho consigo (e isso eu afirmo por experiência também rsrs). E quem não gosta de carinho, não é mesmo? Da mesma forma que nossos pensamentos nutrem ou sugam a nossa mente, os alimentos fazem o mesmo com a nossa saúde.  

          Nos posts anteriores falamos um pouco sobre a mudança de hábitos, se você não leu ainda, acessa lá… E a minha sugestão aqui é que você faça essa mudança de forma gradual, para que ela seja permanente, não apenas modificar a rotina de alimentação, mas também a forma como você vê esse processo e os alimentos que está ingerindo. Compreender como a saúde do corpo está intrinsecamente atrelada à saúde mental é chave para que você consiga olhar para seu prato com outros olhos. Nas suas refeições observe os alimentos que escolheu, olhe com curiosidade para eles. O pensamento resultante deve ser: que bom, estou me nutrindo e cuidando de mim!  

          

MIKELEN VICELLI
Estudante de Psicologia fazendo refeições com mais propósito. 

Para conhecer um pouquinho dos nossos produtos, acesse: raeasy.com

Posts relacionados

Um comentário em “Saúde Mental e Alimentação

  1. Julia Traple disse:

    Muito bom o conteúdo! Nossos pensamentos são aliados para ter uma alimentação saudável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × dois =